Comece a criar um mundo novo

É um fato, já existem soluções para todas as doenças e dificuldades do nosso mundo. infelizmente os dirigentes de nossos governos ainda não estão desperto para a humanidade.

Quando lidamos com situações como a que vivemos hoje, passamos a refletir.
O que podemos fazer para mudar nossa maneira de viver?

Claro, você pode protestar, mas será que não podemos fazer algo mais efetivo?

Hoje, ainda dependemos muito de um suposto mundo externo.

Podemos realizar mudanças?
Colocarei algumas aqui, o que mais vcs sugerem?

Menos carros nas ruas, mais bicicletas ou andar a pé – você pode mudar para perto do trabalho, e colocar seus filhos numa escola próxima. Ganhará tempo e qualidade de vida.

Menos consumo de alimentos que vêm de todos os cantos do mundo, mais produção local –
Mais hortas urbanas nos bairros – até num apartamento e em condomínios, dá para ter uma pequena produção de verduras, legumes, chás e temperos.

Uso de fontes de energia alternativas – instalações solares, e eólicas ainda estão engatinhando por aqui, mas módulos baratos e prontos podem ser comprados em todo o mundo. De tomadas a geradores solares.( Com internet está mais facil)

Mais respeito, amor e cooperação entre as pessoas – penso que caminhamos para uma vida mais comunitária  – desenvolver atitudes de compreensão, lidar com as situações com humanidade e amor.

Ir em direção ao minimalismo –  Aprender a consumir apenas o necessário, a dividir, a compartilhar. Desenvolver a consciência de todo desperdício e lixo que criamos e também do tanto que acumulamos desnecessariamente. Aos poucos vá diminuindo a quantidade de coisas que guarda, fique apenas com o que você efetivamente usa e umas pouquíssimas e positivas memórias afetivas. Compartilhe o que não usa mais.

Promover mudanças em suas vidas pessoais – tudo que se manifesta no mundo, parte primeiro do invisível, de um pensamento ou sentimento. Cure seu interior e o exterior será curado.

Por medo, a população anda cometendo insanidades. Lide com os fatos, aceite! tudo é transitório!
Tudo bem comer só arroz por uns dias ou ter que cozinhar a lenha ou no microondas.
Acalme seu coração. O ser humano é muito maior do que qualquer crise externa.

Vamos começar ações que nos levem a ser independentes, mais seguros, mais livres.
Tudo começa com um propósito interno, uma meta e pequenas ações. Mantenha o foco.

Não se disperse no feriado, na copa, …..

Anúncios

A Terra é nossa Casa

republico aqui o artigo de Nay do Mundo Meraki.

http://nay.mundomeraki.com/2018/05/13/a-terra-e-nossa-casa/

Como a vida profissional evoluiu

No decorrer das décadas, a vida profissional, o mercado de trabalho e principalmente o perfil do trabalhador foi mudando.

A cada década o foco era um e a cada década descobria-se que poderia ser melhor.

Deixo abaixo um incrível video sobre como foi a evolução dos trabalhadores, qual se´rá o próximo passo?

Jovem para sempre!!

Conforme vamos ficando mais velho, uma idéia começa a tomar conta de nós, sera que é possível ficar mais jovem por mais tempo?

A ciência tem evoluído muito a esse respeito, e a estética também, com o desenvolvimento de tratamentos e cuidados para preservar a saúde e a beleza.

Alimentação e cuidar de seu estado emocional interno é fundamental e a partir dos 60 anos fazer o que te deixa feliz passa a ser prioridade em sua vida. Clique aqui para saber mais sobre isso.

Hoje, sabe-se também que a visualização interna, isso mesmo , criar com o pensamento , também ajuda muito.  De manhã e a noite, visualize você jovem, com energia, com uma pele lisa e regular, um corpo firme, etc… Sinta que já é assim, deixe suas células vibrarem nessa visualização faça por pelo menos 60 dias e veja o resultado. Poderá também trazer a sua memória até sentir no corpo uma lembrança feliz de quando você era jovem, feliz, ativo,…

Mas quero trazer aqui um poderoso recurso para manter seu corpo em forma, jovem e com muita energia.

São os exercícios de yoga chamados de ritos tibetanos. Eles foram apresentados ao ocidente pelo livro  FONTE DA JUVENTUDE de Peter Kelder.

São cinco exercícios simples, qualquer um deles sozinho já é bom, mas os melhores resultados são alcançados quando são praticados juntos,  são chamados de ritos.

Você pode achar que não irá conseguir realizá-los.  Então dou um conselho, faça o que der.
Comece apenas com 3 giros (se ficar tonto, respire), depois faça um exercício de cada, não se preocupe se o corpo não sobe, a cabeça não desce, simplesmente faça 5 minutos por dia e você verá seu rápido progresso e os resultados. Vá ampliando sem forçar, apenas 1 a mais por vez, (e no máximo 21 de cada) esses exercícios são poderosos, não exagere.
De preferência faça pela manhã após o banho, (não tome banho após e irá perder parte da energia criada).

Essa técnica é amplamente defendida pela atriz Letícia Spiller que a pratica regularmente.

Os Cinco Ritos Tibetanos são a chave para a vitalidade, saúde e juventude, restabelecem o equilíbrio dos sete centros de energia do corpo (Chakras) promovendo uma regeneração do corpo em todos os âmbitos – físico, vital, mental, emocional e espiritual.

Veja abaixo vídeo de Parmatma Cris com os ritos:

Ah! A Rachel

Rachel de Queiroz nasceu em Fortaleza em 17 de novembro de 1910, foi uma grande poetisa, romancista, jornalista, dramaturga, cronista e escritora.

Mas o principal, foi uma pioneira no mundo feminino:

primeira mulher Autora a ingressar na Academia Brasileira de Letras.

primeira mulher galardoada com o Prêmio Camões e a ingressar na Academia Cearense de Letras 

Clara sincera, desde cedo envolvida politicamente em causas sociais, por conta disso foi presa e teve seus livros queimados.

Detentora de inúmeros prêmios, teve uma enorme produção escrita em toda sua vida.

Verdadeira desbravadora, não se considerava feminista, apenas dizia que as mulheres deveriam ter oportunidades de evoluir assim como aos homens.

Rachel era simplesmente ela, transparente e vivida.

Deixo aqui uma poesia para lembrá-la e homenageá-la.

Geometria dos Ventos – Rachel de Quei´róz

“Eis que temos aqui a Poesia,
a grande Poesia.
Que não oferece signos
nem linguagem específica, não respeita
sequer os limites do idioma. Ela flui, como um rio.
como o sangue nas artérias,
tão espontânea que nem se sabe como foi escrita.
E ao mesmo tempo tão elaborada –
feito uma flor na sua perfeição minuciosa,
um cristal que se arranca da terra
já dentro da geometria impecável
da sua lapidação.
Onde se conta uma história,
onde se vive um delírio; onde a condição humana exacerba,
até à fronteira da loucura,
junto com Vincent e os seus girassóis de fogo,
à sombra de Eva Braun, envolta no mistério ao
mesmo tempo
fácil e insolúvel da sua tragédia.
Sim, é o encontro com a Poesia.”