Recomeçar

recomecarQuando comecei o ano de 2016, eu estava com muita energia e uma grande vontade de me respeitar e me conhecer como nunca. Eu acabara de estudar, junto com uma amiga, o conteúdo do livro “Escola dos deuses”(Elio D’Anna) e que criou em nosso interior mais uma expansão na maneira de ver a vida. Questões como o que é viver de verdade, viver no agora que é o único momento que temos, aprender a olhar para seu interior com coragem, prontas para ver o que era luz e o que eram trevas, e que a estrada fica muito leve quando não carregamos bagagens internas desnecessárias.

Decidimos então ir para a Italia em março e então achei conveniente não trabalhar antes disso. Meu processo  de life coaching dura em geral de 10 a 12 sessões e não quis deixar nenhum cliente no meio do caminho.

Fomos para Italia, vimos lugares lindos, conhecemos a Escola Superior de Economia e participamos de um workshop com o Elio D’Anna.

Muito foi aprendido nessa viagem, a conexão com o todo, a sincronicidade, o deixar-se levar pelo fluxo e ao mesmo tempo criar e agir ativamente. E ..que estados internos geram eventos externos, sempre.

Quando voltei da Italia em abril, senti uma necessidade enorme de me dar de presente um tempo. Eu trabalho desde os 14 anos sem trégua (estou com 61), muitas vezes sem férias, e senti que merecia atender aos meus desejos de alma. Estava muito feliz. No começo não decidi conscientemente por um período de pausa, por achar que não mereceria ou então que seria impossível me manter (coisas inconscientes que ficam em nossa mente e que estamos sempre limpando). Porém fui ouvindo meu coração e confiando na minha capacidade de criar minha própria realidade em conjunto com o Universo e tudo fluiu. Para não dizer que não trabalhei atendi apenas duas lindas moças, filha e amiga de uma cliente muito querida, por que era urgente para elas que fosse naquele momento. E depois assumi de verdade meu ano de apenas SER.

Foi um ano espetacular, aprendi muito sobre quem sou, sobre meu poder interno, reavaliei mais uma vez minhas crenças. Vivi intensamente meus valores. E senti o enorme prazer de ser livre, “acordar quando o olho abre, dormir quando o olho fecha e comer quando se tem fome” ou mesmo não dormir ou não comer, caminhar, correr, nadar, viajar e entender que não é com luta, desgastes, preocupação, que conseguimos crescer e ter o sustento necessário, que existem muitas formas de riquezas no mundo, que dinheiro é uma energia e que se estivermos sintonizados a essa frequência  e com o posicionamento correto, ele virá.

Acordar e se perguntar, o que pode me deixar mais feliz hoje e realizar, a cada dia, é indescritível.tempo-sem-tempo

Já no final do ano passado, minhas metas começaram a me cutucar e a se fazerem presentes e um enorme desejo de voltar a atender meus clientes, a auxiliá-los a descobrir que podem e merecem serem felizes, realizados, livres, foi reacendendo em meu interior. Essa é minha missão.

Hoje reinicio meus trabalhos: escrever e atender como life coach.  Novidades estarão surgindo por todo esse ano.

Em meu atendimento individual, nesse semestre trabalharei de janeiro à maio, pois viajarei novamente depois. (Descobri  também que sou mesmo uma cidadã do mundo e alimentarei isso sempre que possível.)

Então, se você ou alguém que você conhece estiver muito disposto a mudar para melhor e a dar muito mais vida a sua vida, entre logo em contato. Terei apenas 5 vagas que serão renovadas a cada 12 semanas. Por isso, agende ou indique à alguém rapidamente uma sessão de impacto  gratuita.

Quero também agradecer a todos que participaram desse incrível ano: seres iluminados, minha familia, meus grandes amigos que junto comigo puderam vivenciar coisas maravilhosas e meu cão, eterno companheiro. Agradeço especialmente à Ana Paula, por iniciar  e a Juliana, por enveredar nesse estudo e vivencia comigo, às Monicas  Griesi e Spinola pela sabedoria , ao novo amigo Roger por trazer humor e por cuidar tão bem do Frodo, ao Stefan pelo excelente primeiro dia de ano junto aos demais familiares e a novos amigos. E finalmente aos meus queridos clientes que tem me enviado relatos incríveis de suas grandes mudanças de vida. Estou feliz, grata e com uma profunda paz interior.

Agora, agir em direção as metas 🙂

Anúncios

Tempos de mudança !

terra1Muito se tem ouvido falar sobre as energias e circunstâncias que envolvem esse final de ano.

Sente-se que energias de mudança estão pairando no ar, independente do que cada um acredita que poderá ocorrer.

Aproveitando esse momento sugiro que algumas reflexões sejam feitas. Encontre um momento de tranquilidade, pegue algo em que possa escrever  e vá respondendo as questões abaixo , sem nenhum filtro, naturalmente, com o que vier no momento:

Se o mundo está mudando, que tipo de mundo você quer viver? Se puder ser co-criador desse novo mundo, como quer que ele seja?

O que, especificamente, está disposto a fazer e o que está disposto a abandonar em prol de ter uma existência mais plena, mais amorosa?

O que você acha que está para acontecer e qual o seu papel nisso?

O que é importante para você? Quais são seus valores internos? Como poderá vivenciá-los cada vez mais?

Quais as sensações que você tem que confirmam que algo de bom está para mudar no mundo?

Que tipo de corrente do bem poderá iniciar pessoalmente?

Perante isso, quem eu você quer se tornar?

O que quer construir e conquistar?

Depois releia essas respostas durante alguns dias e veja o que elas te indicam, qual a direção e ação a ser feita e AJA. Aproveite a energia que está no ar!

Saude e sucesso!

Criar o que falta!

“As pessoas que avançam neste mundo são as pessoas que acordam e procuram pelas circunstâncias que elas querem; e se não as encontram,
elas as fazem”

George Bernard Shaw


Perseverar, aprender, transformar

                                                     “Perseverança é aprender,
aprender é praticar,
praticar é repetir,
repetir é ganhar experiência,
experiência é crise,
crise é prova,
prova é fortalecimento,
fortalecimento é liberdade,
liberdade é criar do nada,
criar do nada é transformar,
transformar é caminho e fim ao mesmo tempo.”

Rudolf Steiner