A lenda do monge e do escorpião

Abaixo uma lenda de um autor desconhecido. Nela temos o grande exemplo de que o importante é vivermos conforme nossos valores internos, independente das circunstâncias externas. Esse sempre é um grande desafio e depende muito do quanto nos conhecemos. No processo de coaching nossos valores são descobertos e planificamos o futuro congruentemente aos mesmos.

A lenda do monge e do escorpião

Autor desconhecido
“O monge e seus discípulos iam por uma estrada e, quando passavam por uma
ponte, viram um escorpião sendo arrastado pelas águas.
O monge correu pela margem do rio, meteu-se na água e tomou o
bichinho na mão. Quando o trazia para fora, o bichinho o picou e, devido a
dor, o homem deixou-o cair novamente no rio. Foi então à margem tomou
um ramo de árvore, adiantou-se outra vez a correr pela margem, entrou
no rio, colheu o escorpião e o salvou.
Voltou o monge e juntou-se aos discípulos na estrada.
Eles haviam assistido à cena e o receberam perplexos e penalizados.
– Mestre deve estar doendo muito! Porque foi salvar esse bicho ruim e
venenoso? que se afogasse! Seria um a menos! Veja como ele respondeu
à sua ajuda! Picou a mão que o salvara! Não merecia sua compaixão!
O monge ouviu tranqüilamente os comentários e respondeu:
– “Ele agiu conforme sua natureza, e eu de acordo com a minha.”

Anúncios

Encontrar a Motivação

Voce está cheio de sonhos,

vive sonhando acordado,

sabe bem o que quer fazer, e, até o que tem que fazer.

Mas os dias passam e você percebe que não fez nada para alcançá-los.

Aí fica se culpando, e não entende por que você mesmo se burla, se sabota.

A questão aqui pode ser de motivação – motiva_ação. Isso mesmo, encontrar o que vai motivá-lo a agir.

Mesmo que você acredite que vai atingir e que sabe bem o que quer, enquanto não parar e refletir questões claras como :

Por que isso é importante para mim?

Se eu realizar essa meta, o que isso me trará?

O que terei conquistado?

Não encontrará os valores internos que estão por traz da meta e que conduzem você à ação.

Faça essas questões repetidas vezes , até sentir que encontrou o motivo real em realizá-las.

Valores nos dão a energia necessária para fazer o algo além que nos conduzirá até a meta.

Não costumamos dar muita importância em descobrir quais são os valores e princípios que nos conduzem pela vida, mas , uma coisa é certa:  quando alguém viola algum de nossos valores internos, isso nos tira do sério.

Valores são expressos de forma abstrata , por exemplo: honestidade, amor, integridade, liberdade, espiritualidade, saúde, felicidade, família, lealdade, amizade,….

Cada pessoa tem seu próprio conjunto de valores que são a base de sua conduta na vida,

Quando temos uma meta, precisamos descobrir qual foi o valor interno que nos inspirou  a estabelece-la e aí, encontraremos o motivo que nos levará a realizá-la.