Natal todo dia

natal tododiaA cada dia somos responsável pelas escolhas que fazemos, sobre como queremos nos sentir e como iremos conviver com os demais que estão ao nosso redor.

Nessa época do final de ano, independente da religião seguida, sentimos um clima de fraternidade, amor e compreensão se espalhar no ar.

Como podemos manter isso de tal forma que a magia do amor e do compartilhar esteja presentes em nossa vida sempre?

Sobre isso, adiciono abaixo um video da música Natal todo dia do grupo Roupa Nova, que recebi de minha amiga Odete e montagem de M.F.C. de Barbacena. E abaixo a letra transcrita para reflexão.

Natal Todo Dia
Roupa Nova

Um clima de sonho se espalha no ar
Pessoas se olham com brilho no olhar
A gente já sente chegando o Natal
É tempo de amor, todo mundo é igual

Os velhos amigos irão se abraçar
Os desconhecidos irão se falar
E quem for criança vai olhar pro céu
Fazendo pedido pro velho Noel

Se a gente é capaz de espalhar alegria
Se a gente é capaz de toda essa magia
Eu tenho certeza que a gente podia
Fazer com que fosse Natal todo dia

Se a gente é capaz de espalhar alegria
Se a gente é capaz de toda essa magia
Eu tenho certeza que a gente podia
Fazer com que fosse Natal todo dia

Um jeito mais manso de ser e falar
Mais calma, mais tempo pra gente se dar
Me diz porque só no Natal é assim
Que bom se ele nunca tivesse mais fim

Que o Natal comece no seu coração
Que seja pra todos, sem ter distinção
Um gesto, um sorriso, um abraço, o que for
O melhor presente é sempre o amor

Anúncios

Ser elegante

O que é ser elegante?
Como você pode ser e se sentir elegante?
Será que elegância é só ser gentil? educado? controlado?

Sobre esse assunto deixo abaixo um filme :

Recicle-se!

Você pensa que é como é, que não pode fazer nada?

Não é bem assim, podemos , se quisermos, através de um árduo trabalho sobre nossos hábitos, nos transformar em quem queremos ser.
Você quer ser mais educado? então faça isso!
Quer ser mais gentil? Mais amoroso?
Menos ciumento? Mais centrado? Mais assertivo?
Só você pode estabelecer o que quer ser e pacientemente conquistar essas novas qualidades. Jogue no lixo as características que te incomodam, e coloque atitudes novas no lugar. No início parecerá que você está interpretando um personagem de teatro, mas , aos poucos isso se torna você.

Faça coaching, tome sua vida nas próprias mãos!

A máscara do sorriso

Na China Antiga, um homem chamado Wong, se sentia hostilizado pelas pessoas da pequena aldeia onde morava.
Um dia o senhor Wong foi visitar o sábio da região e então desabafou: cumpro minhas obrigações para com os deuses,
sou um bom cidadão, um exemplar chefe de família, vivo praticando a caridade, por que as pessoas não gostam de mim? E a resposta do mestre foi simples: embora o senhor Wong fosse caridoso, o seu rosto sério levava a todos uma conclusão diferente. Embora ele fosse muito rico, era pobre de “alegria” e “cordialidade” e, por outro lado, nunca sorria, embora ajudasse as pessoas.

O sábio deu ao senhor Wong uma máscara sorridente que se ajustava perfeitamente ao seu rosto. Advertiu-o, entretanto, de que se algum dia a tirasse do rosto, não conseguiria recolocá-la.
No primeiro dia em que Wong saiu à rua, todos começaram a cumprimentá-lo e em pouquíssimo tempo já estava cheio de amigos.
Mas, um dia, chegando à conclusão que as pessoas não gostavam dele, mas da máscara, pensou: é preferível ser hostilizado, a ser estimado por uma máscara falsa. Foi até ao espelho e retirou a máscara sorridente.
Mas que surpresa… o seu rosto tornara-se também sorridente, assumira as expressões e o sorriso da máscara…
“O que você é internamente é uma conseqüência do que você mostra externamente”

Lenda chinesa

Quando queremos conquistar uma habilidade , competência, característica ou mesmo um sonho, o primeiro passo é “agir como se” . Agir como se já houvesse conquistado.

Ao assumirmos o “papel” do que desejamos atingir, isso se reflete e atraimos o que é necessário para que isso seja conquistado. Foco e atração.

O Sol e o Vento – Fábula

O sol e o vento discutiam sobre qual dos dois era mais forte e o vento disse:– Provarei que sou o mais forte. Vê aquele velho que vem lá embaixo com um capote? 

Aposto como posso fazer com que ele tire o capote mais depressa do que você.

O sol recolheu-se atrás de uma nuvem e o vento soprou até quase se tornar um furacão, mas quanto mais ele soprava, mais o velho segurava o capote junto a si.
Finalmente o vento acalmou-se e desistiu de soprar.

Então o sol saiu de trás da nuvem e sorriu bondosamente para o velho.
Imediatamente ele esfregou o rosto e tirou o capote.

O sol disse então ao vento que a gentileza e a amizade eram sempre mais fortes que a fúria e a força.