Feliz agora

happyA felicidade é um sentimento independente, isto é está sob nosso controle, podemos produzí-la. Não depende de nada externo para que ocorra.

Talvez você não acredite nesse momento no que acabo de afirmar.

Nosso poder mental é muito superior do que você sequer pode imaginar,

Podemos mudar nosso estado emocional imediatamente, independente da situação em que nos encontramos.

Quero lembrar também que tudo que você constantemente pensa, sente, atrai para você mais disso e daqui a pouco essa será sua única realidade. Aquilo que acreditamos se transforma em realidade inquestionável, portanto nossas crenças é que limitam nossa percepção de mundo e o que ocorre em nossas vidas.

Você pode ser feliz agora, mesmo que esteja magoado ou triste.
Fale e haja como se fosse um ser de luz, reconheça seu valor, sua dinvidade, ilumine-se de dentro para fora, crie votos de confiança para si mesmo!!!!!

Um grande conjunto de emoções são etéreas, isto é, dependem apenas de seu estado de ânimo :

harmonia interior, entendimento, gratidão, espiritualidade, confiança, criatividade, paz, aceitação, tolerância, compaixão, auto estima e felicidade.

Se as emoções são independentes, você é livre também para abrir mão e por isso cede ao que as pessoas dizem, mas isso é uma escolha. Não acreditem em comerciais, líderes, governos, Felicidade é um estado autônomo.

Vamos experimentar : Levante-se, levante os braços ,mesmo que não tenha vontade . Coloque um sorriso no rosto , nem que tenha que colar com durex para ele ficar ali. Diga a si mesmo.

“Eu escolho ser feliz agora.”

Assista ao vídeo abaixo e veja o que acontece.

Saude e sucesso

Anúncios

Acredite !!!!

Entenda que sua fé move o mundo! sem fé, sem acreditar, o que seria possível? o que seria feito?

é muito importante reconhecer e lembrar continuamente de nossas crenças fortalecedoras!!

Como melhorar a sua auto-estima

Recebi esse texto de um amigo e infelizmente não sei a autoria. Tomei a liberdade de complementar alguns ítens.

Dicas para melhorar a Auto-estima
1. Transforme os lamentos em decisões.
Deixe a atitude passiva de lado e assuma para si a responsabilidade de promover mudanças.

2. Escolha objetivos possíveis, mesmo que você tenha que conquistá-los pouco a pouco.
Metas inatingíveis são o caminho mais fácil para a frustração e uma nova recaída na auto-estima.

3. Trabalhe seu auto-conhecimento questionando sobre seus valores e analisando o que é realmente importante para você.
Isto vai ajudá-lo a tomar decisões e mudar atitudes.

4. Assuma seus defeitos e se aceite do jeito que você é.
Não se trata de ser acomodado, pelo contrário. Tente melhorar o que for possível, mas não exagere buscando perfeição em tudo. Essa busca é infinita, e você pode estar desperdiçando tempo e esforços que poderiam ser dedicados a outras atividades mais produtivas e prazeirosas.

5. Encare o fracasso como algo normal.
Aproveite-o como uma lição valiosa para encarar os novos desafios, e não como prova de incapacidade. Não existe resultados, apenas resultados. O que você aprendeu com a situação?

6. Expresse suas opiniões, desejos.
Coloque sua opinião de forma agradável, gentil , por outro lado, respeite as opiniões de outras pessoas.Respeitar não significa que você deva concordar necessariamente com elas.

como melhorar a atuoestima

7. Diversifique e amplie suas relações.
Diga ola, faça novos contatos, sorria. Todos ao seu redor gostam de um sorriso e de quem os trata com gentileza e cordialidade.
8. Pequenas atitudes podem significar muito: um telefonema, uma festa com os amigos, arrumação do quarto, etc.
mantenha as coisas em ordem, lembre-se e entre em contato com as pessoas que são importantes para você, designe um tempo ( ao menos uma vez por semana) para estar consigo mesmo 🙂

9. Dê um passo de cada vez.
Querer resolver tudo de uma vez na maioria das vezes não é uma atitude realista.
Tenha uma direção e aja em relação a ela de forma relista, porém desafiadora, Um escada com degraus muito grandes só fará com que vc caia, no entanto uma escada com degraus menores fará com que você chegue ao topo.

Seja feliz!!!

Dez passos para se amar

dez passos para se amarAmar a si mesmo é o princípio  básico para atuar com diferença no mundo.
Esse texto da Louise Ray, traz 10 dicas poderosas.
Mesmo que você ja se ame , experimente, coloque em prática, e você sentirá a diferença.
Se por algum motivo sua auto-estima estiver baixa, então esses pequenos passos farão com que você perceba o seu valor e sua beleza.

Mas lembre-se , coloque em ação, sem ação não há resultado.

“1 – Parem com toda a crítica – A crítica nunca muda coisa alguma. Recusem
criticar-se. Aceitem-se exatamente como vocês são. Todos mudam. Quando vocês se            criticam, suas mudanças são negativas. Quando se aprovam, suas mudanças são
positivas.

2 – Não se alarmem – Parem de se aterrorizar com seus pensamentos. Encontrem uma
imagem mental que lhes dê prazer e imediatamente desviem os seus pensamentos para
algo agradável.

3 – Sejam gentis, bondosos e pacientes – tratem-se com paciência, gentileza
e bondade. Tratem-se como fariam com alguém a quem amassem.

4 – Sejam gentis com sua mente. Odiar-se é somente odiar os seus próprios
pensamentos. Mudem gentilmente os seus pensamentos para pensamentos
mais amorosos.

5 – Elogiem-se. A autocrítica deprime o espírito interior. A exaltação o
edifica. Afirmem a vocês mesmos como é apropriado o que estão fazendo com
tudo.

6 – Apoiem-se. Aproximem-se dos amigos e permitam com que eles os ajudem.
Ser forte é pedir por ajuda quando mais precisam.

7 – Sejam amorosos com seus pontos negativos – Reconheçam que os criaram
para satisfazer uma necessidade. Agora estão encontrando novas maneiras
positivas de preencherem estas necessidades. Liberem os velhos padrões.

8 – Cuidem do seu corpo – Aprendam sobre nutrição. O que o seu corpo
necessita para ter a energia e a vitalidade ideal ? Aprendam sobre
exercícios. Estimem o templo em que vocês vivem.

9 – Trabalho do Espelho – Olhem dentro dos seus olhos freqüentemente.
Expressem o sentido crescente do amor que sentem por vocês mesmos.
Perdoem-se por tudo, enquanto se fitam no espelho. Uma vez ao dia digam, “Eu amo
você” para vocês mesmos no espelho.

10- Façam-no Agora – Não esperem até que vocês fiquem bem, percam peso ou recebam            um novo emprego. Comecem agora, façam o melhor que puderem.”

 

O seu pior inimigo !

A visão que  temos da realidade a nossa volta, nada mais é do que uma representação pessoal e única da mesma.

A mente faz uma representação da realidade (como num desenho), que não é a realidade em si (o objeto desenhado). É uma metáfora do que acontece entre nossa mente e a realidade.

Essa representação é construída por nossas experiências e pelas avaliações que fazemos delas.

É composta pelo conjunto de nossas crenças. Algo que você acredita sem contestar. (não falo aqui em contexto religioso)

As crenças são aceitas como verdades absolutas, mas a grande maioria delas é determinada por seu contexto social, de criação, religioso, cultural; por contextos que podem variar no tempo.

Essas crenças podem ser poderosas, quando contribuem para a evolução e felicidade, mas podem ser limitantes, paralisando nossas ações e o crescimento pessoal e profissional.

Você pode desenvolver uma auto-percepção para elas.

Como você fala e pensa sobre si mesmo?

Vive dizendo  “ eu sou impaciente, desorganizado, impulsivo”, como  se fosse algo que 
nunca vai mudar?

Qual é o seu diálogo interno?

Você pensa “ não sou capaz disso”,” nunca vou conseguir”, “isso não é para mim”,” não mereço”, “tenho medo do sucesso”,….

O que você diz para si mesmo faz parte de sua identidade ou representa apenas um comportamento?

Prefira dizer: “Eu ESTOU impaciente”, ou então “eu ESTIVE impaciente” ou “tenho estado impaciente.”

E  “eu não conseguia” ou  “eu estou quase conseguindo”.

Experimente!!! ocorre uma transformação interna através da linguagem.

Mudança de algo que era incontestável para algo que está mudando ou que já mudou.

Isso demonstra que você tem controle sobre sua linguagem e em como ela interfere em suas sensações e ações.

Se quiser fazer melhor, reforce um novo comportamento e diga a si mesmo – eu sou paciente, eu consigo.

Mesmo sem agir, observe como seu corpo reage em cada um dos modelos de frase, em qual frase você fica tenso?, e em qual se sente bem? Altere seu pensamento. Diferencie o que você é dos comportamentos temporários que você tem. Mudar é possível e muito mais fácil do que você imagina.

O seu diálogo interno é o seu maior inimigo.


Pode ser extremamente enfraquecedor, mas pode ser fortalecedor
.

A partir de agora procure observar o que você pensa e fala sobre si mesmo!!